Aumentando sua network para atrair novos clientes

A pergunta mais frequente que tenho respondido a alguns advogados que me enviam emails ou mensagens através de aplicativo móvel é:

Como atrair clientes respeitando os limites estabelecidos pelo Estatuto da Advocacia e da OAB e pelo Código de Ética e Disciplina?

Diante de toda proibição imposta, a forma mais sensata e viável que possamos utilizar para atrair clientes é sem duvidas à formação de uma boa network (redes de contato).

Existem vários mitos na advocacia, e o que vejo com mais frequência a ser propalado é que para ter sucesso na advocacia é necessário ter nome, ser parente direto ou indireto de algum advogado famoso, como se nosso estado ainda fosse norteado por um sistema monástico, um sistema que as gerações de castas mais privilegiadas sempre terão vantagens em cima dos menos favorecidos.

Regra que deste que me formei não reconheci em momento algum, como o primeiro de uma família sem tradição na advocacia, comecei a atrair meus clientes através da minha rede de contatos, a família sem tradição na advocacia, me serviu como base para que pudesse ali iniciar meu projeto de atração de clientes, ainda na faculdade, já me comportava como advogado, obviamente sem praticar nenhum dos atos destinado a classe, as vezes ate de terno eu frequentava a faculdade para que as pessoas pudesse assimilar minha figura com a figura do Direito.

Então quando me formei, passei a ter estratégias bem diferenciadas da maioria dos advogados, comecei a frequentar locais aonde o coletivo é valorizado, iniciei meus treinos em uma academia frequentada por empresários e comerciantes de pequeno porte, fazia questão de sair da academia de terno, para que as pessoas pudessem saber qual seria o oficio exercido por mim, intensifiquei minhas visitas a outras igrejas, tendo em vista que trabalho com Direito de Família, então nestes ambientes é mais propício acontecer tais ações, além de participar de congresso, feiras, palestras de assuntos diferente da advocacia, pois vejo vários colegas gastarem rios de dinheiro com congresso, palestras e workshop exclusivamente de Direito, a atualização é fundamental para a vida de qualquer profissional, mas de nada vai adiantar se você não tiver clientes para utiliza-las.

Sendo assim, a indicação e que você deve ampliar de forma considerável a sua rede de contatos, trabalhar todos os dias para conhecer um numero maior de pessoas, para que essas pessoas possam se transformar em seus futuros clientes, não insista em locais que você já frequenta há muito tempo, pois todos ali já sabem o que você faz e certamente se precisar, irão lhe procurar para utilizar de seus serviços.

Não deixe de aceitar qualquer convite de seus atuais clientes, pois uma coisa que tenho notado e que no Brasil, as pessoas adoram apresentar o advogado ao amigo, como se apenas ele pudesse pagar para você representa-lo, então utilize isso, se ele pode pagar a você, certamente as pessoas que estão ali frequentando tal evento poderá, ou então você tem o tipo de cliente errado para o seu negocio.
Não saia distribuindo cartões de visitas, ou deixando em quadros de aviso, mesas de restaurantes ou qualquer outro local, comece a montar sua network de forma sensata e com meta, indique em um quadro que você tem a obrigação de conhecer ao menos 10 novas pessoas por semana, e tendo uma oportunidade, puxe papo para criar situações que a frase mágica seja dita “O Senhor é advogado?” então ai é a hora de se apresentar e mostrar que você tem conhecimento, passar confiança e que essas pessoas podem lhe contratar.

Importante nesse método é identificar o tipo de cliente que você deseja em nenhum momento você deve fazer parte de uma coletividade que não tenha potenciais clientes para você, ao menos se tratando desse objetivo.

Expanda sua rede, crie vínculos e ate responda perguntas simples sobre direito, faça com que as pessoas entendam que você não é descartável e que sempre que elas precisarem, você estará disponível.

 

Lembrando que a expansão de network é apenas uma ferramenta das muitas que podem ser utilizadas em busca de obter resultados na advocacia, não esqueça de escrever conteúdo, gerenciar com cautela suas redes sociais entre outras ferramentas permitidas e possíveis para tal atividade.

Sobre o autor

Denilson Ferreira

É advogado, pós graduado em Direito Publico e Direito de Família, cursando MBA em Gestão em Marketing é apaixonado por empreendedorismo, milita na área civil e de propriedade, responsável pelo núcleo civil da DF& Advogados e é o criador da comunidade jurídica PautAberta. @pautaberta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *